Portal de Noticias

Duas brasileiras presas na Alemanha são libertadas após serem confundidas com traficantes

0 91

As duas brasileiras presas na Alemanha após serem confundidas com dois traficantes de cocaína foram liberadas nesta terça-feira, informou o Ministério das Relações Exteriores.

Em nota, o Itamaraty informou que as brasileiras Jeanne Cristina Paolini Pinho e Katyna Baia de Oliveira, que estavam presas desde o dia 6 de março em Frankfurt, “foram libertadas hoje (para esta terça-feira)”.

Os dois foram presos durante uma escala em Frankfurt depois que suas malas foram encontradas carregadas com cocaína.

Trabalhadores do aeroporto internacional de São Paulo, de onde partiram, trocaram as etiquetas de suas malas, atribuindo-lhes a propriedade da bagagem ilegal.

As mulheres foram interrogadas no mesmo aeroporto e imediatamente transferidas para uma prisão feminina.

Nos dias seguintes, evidências claras de sua inocência vieram à tona, como vídeos do aeroporto mostrando contrabandistas trocando de identidade (a polícia prendeu seis pessoas na semana passada).

As autoridades brasileiras enviaram o vídeo e outras provas para a Alemanha e o Ministério Público solicitou rapidamente sua soltura, diretamente para a cadeia, sem esperar pela determinação de um juiz.

Durante o período em que estiveram presos, o consulado brasileiro em Frankfurt os visitou diversas vezes, negociou com as autoridades judiciárias e penitenciárias do país e recebeu os familiares dos presos no aeroporto, para acompanhá-los ao presídio para o período de internação liberar.sua partida.

(Sputnik)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.