Portal de Noticias

Lago Guaíba sobe mais de 3 metros e transborda em Porto Alegre

Cidade teve o inverno mais chuvoso dos últimos 62 anos.

0 113

Por Carolina Pimentel – Repórter da Agência Brasil – Brasília

 

O nível do Lago Guaíba, em Porto Alegre, chegou a 3,17 metros nesta quarta-feira (27), 17 centímetros acima do limite para transbordar. Essa é a maior marca registrada desde 1941, quando as águas chegaram a 4,75 metros no centro histórico, segundo a Prefeitura de Porto Alegre.

Vídeos gravados por moradores mostram a água atingindo calçadas, ruas e avenidas.

Com a subida do nível do lago, equipes da prefeitura colocaram sacos de areia na comporta 4 do Cais Mauá para conter o vazamento de água.

A Defesa Civil estadual divulgou alerta, no início do dia, para inundação do lago, com validade de 24 horas.

Desde segunda-feira (25), a prefeitura determinou o fechamento preventivo de comportas do Guaíba para evitar alagamento na área central da capital gaúcha, após previsões de temporais na maior parte do estado nesta semana. As comportas são portões de aço usados para conter o avanço das águas.

As duas últimas comportas foram fechadas na noite desta terça-feira (26).

Inverno chuvoso

Porto Alegre teve o inverno, estação encerrada no final de semana, mais chuvoso dos últimos 62 anos. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) informou que a estação meteorológica localizada no município registrou 652,2 milímetros, valor acima da média de 1991 a 2020, que atingiram 435,5 mm. “Sendo assim, o volume de chuva ficou 216,7 mm ou cerca de 50% acima média”, informa o Inmet.

Foi o terceiro inverno mais chuvoso na capital gaúcha, ficando atrás de 2020 (677,9 mm) e de 1972 (694,7mm).

Segundo o Inmet, foram 31 dias com chuva igual ou acima de 1 mm.

Alerta

Defesa Civil do Rio Grande do Sul distribuiu nesta quarta-feira (27) alerta a 20 municípios para risco de inundações e outros danos em razão de grandes volumes de chuvas.

A previsão é de temporais, descargas elétricas, eventual queda de granizo, fortes ventos e grande quantidade de chuva, que podem causar enchentes e outros danos. As chuvas podem chegar a 100 milímetros.

Edição: Fernando Fraga

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.