Portal de Noticias

Jornalista Jorge Molina revela histórias desconhecidas sobre o surgimento violento do tráfico de drogas no Chile

Esta é uma investigação enorme e sem precedentes - de natureza actual - sobre o estabelecimento do crime organizado no Chile e o seu alcance social, político, económico e criminal.

0 133

O fenômeno do tráfico de drogas em nosso país tem crescido nos últimos anos em quantidade e violência. As autoridades enfrentam uma situação única na história criminal do país: os traficantes de drogas tomam conta de setores das cidades e o número de armas aumenta exorbitantemente.

Através de uma série de histórias relatadas no cerne deste fenômeno, Jorge Molina Sanhueza publica Chile Narco, onde apresenta casos de alta conotação pública: assassinos de aluguel e traficantes de drogas estrangeiros, lavagem de dinheiro, grandes remessas de drogas para a Europa, operações transnacionais, promotores ameaçados, juízes corruptos e o complexo caso do Trem Aragua.

Esta aprofundada investigação jornalística foi elaborada pelo autor com base diretamente nas pastas de investigação de cada um dos casos, decisões judiciais e resoluções emitidas por magistrados da garantia e dos tribunais orais. Consultou também diversos artigos de imprensa, artigos de investigadores sobre droga, tráfico de droga e crime organizado, publicações de diversos meios de comunicação, nacionais e internacionais, unidades de inteligência financeira a nível global e o site especializado Insight Crime.

Mas a investigação não ficou só no papel, como explica o próprio autor, também foi diretamente às fontes. “Fiz uma série de entrevistas: algumas com lápis e papel, outras gravadas para nunca serem reproduzidas sem autorização, algumas em off e mais algumas no corredor, com promotores, defensores, acadêmicos, policiais e dois pessoas condenadas por tráfico de drogas que, após cumprirem a pena, se esforçaram para mudar de vida. A este último a minha maior admiração; especialmente aquele que agradeceu a um promotor antidrogas quando ele fazia compras em um shopping, porque entendeu – depois de passar cinco anos nas sombras – que poderia ser outra pessoa. Um outro não narcótico”.

Chilenarcótico. Histórias Desconhecidas da Irrupção Violenta do Tráfico de Drogas no País é publicada pela Aguilar e já está nas livrarias e em formato digital.

Sobre o autor

Jorge Molina Sanhueza é jornalista investigativo. Desenvolveu a sua carreira na imprensa escrita, televisão e rádio, dedicando-se a questões judiciais que incluem casos de violações dos direitos humanos, serviços de inteligência, corrupção e crime organizado.

Suas reportagens foram publicadas no México, na Alemanha e colaborou nos Estados Unidos, com temas sobre lavagem de dinheiro.

Publicou os livros jornalísticos investigativos Crimen imperfecto (2002) e A la caça a um espião (2007) e o romance Asesinato en el Estado Mayor (2013).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.